Assassinatos de negros crescem 11,5% em 10 anos

A taxa de homicídios de negros no Brasil saltou 11,5% de 2008 a 2018, de acordo com o Atlas da Violência 2020, divulgado há pouco.

O aumento foi de 34 para 37,8 mortes de negros por 100 mil habitantes.

No mesmo período, a morte de não-negros caiu 12,9%, de 15,9 para 13,9 por 100 mil.

O número de homicídios em 2018 foi o menor registrado em quatro anos. Foram 57.956 assassinatos, o que corresponde a uma taxa de 27,8 mortes por 100 mil habitantes.

Entre as vítimas, os negros representam 75,7%.

O estudo é feito pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública e pelo Ipea, com dados do Ministério da Saúde e do IBGE.

Leia mais: Combo O Antagonista+ e Crusoé: comece a ler por apenas R$ 1,90
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO