ACESSE

Barroso defende fim de prisão para crimes leves

Telegram

Em seminário virtual nesta sexta (26), Luís Roberto Barroso disse ser favorável ao desencarceramento amplo em caso de crimes leves, registra Fausto Macedo.

“Há crimes em que o encarceramento é inevitável, como homicídio, roubo qualificado, estupro. E há uma grande quantidade de encarceramento, desde furto simples a drogas em geral, que é desnecessário. Isso se enfrenta com o juiz de custódia”, declarou o ministro do STF e presidente do TSE.

Barroso afirmou ainda que uma reestruturação no sistema prisional caberia ao Poder Executivo. ““O Judiciário não tem capacidade institucional de fornecer a solução para estes problemas, mas o Executivo tem.”

Leia mais: A guinada de Bolsonaro para ficar no poder

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 60 comentários