‘Bibi perigosa’ é presa no Rio

Danúbia Rangel, mulher do traficante Nem, foi presa há pouco pela polícia do Rio. Ela estava numa rua de acesso à favela do Dendê, na Ilha do Governador.

Condenada a 28 anos de prisão, ela estava foragida desde o ano passado, mas usava frequentemente as redes sociais.

A imagem pode conter: 1 pessoa

63 comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

1200

  1. • “FOM FOM PERIGOSA do NEM NÃO TEM PARA NINGUÉM”
    • “E PRESA ao LADO do AMANTE”
    • “SOU CARNE FRACA da JBS”
    • “ENCHEU o SACO FAZER SEXO por SMARTPHONE”
    • “o FDP QUE ARREBENTE a MÃO e o 5X1 na PRISÃO”
    • “o FDP QUE ARREBENTE a MÃO e o 5X1 na PRISÃO”
    • “o FDP QUE ARREBENTE a MÃO e o 5X1 na PRISÃO”
    • “o FDP QUE ARREBENTE a MÃO e o 5X1 na PRISÃO”
    • “o FDP QUE ARREBENTE a MÃO e o 5X1 na PRISÃO”

  2. Eu quero que o Nem, a Bibi biscatona e resto desses bandidos morram no inferno. E’ uma mer da saber que TV, site, revista e o caraco dao visibilidade a essa gente.
    O mais fo dao nao e’ aquele que puxa um gatilho. O mais fo dao e’ aquele que acorda cedo todo dia, trabalha, produz, melhora e tentar dar uma vida digna pra familia!!! Mas este nao e’ noticia nao e’ mesmo.
    Povo de bos ta.

  3. Só faltou dizer o seguinte: Ela foi solta pelo Siro Darlan em março de 2016. Na semana seguinte, ela foi julgada e condenada a 28 anos de prisão por tráfico de drogas, associação com o tráfico e corrupção e passou, então, a ser foragida e nunca mais foi presa. Em abril deste ano, o advogado dela entrou com pedido de prisão domiciliar. Três Desembargadores da 7ª Câmara Criminal avaliaram o caso. Dois foram contrários. Apenas Siro Darlan votou a favor da prisão domiciliar. Darlan já havia sido responsável pela libertação dos oito traficantes da quadrilha de Nem envolvidos na invasão do Hotel Intercontinental, em São Conrado, em 2010. Um deles era o Rogério 157, que agora tenta assumir o comando do tráfico na Rocinha e inferniza a vida dos cariocas. O MP do Rio criticou as decisões. “Esses elementos são pessoas que já têm várias anotações criminais. Então realmente nos causa espécie que essas pessoas sejam colocadas em liberdade com argumentos jurídicos, mas em uma situação que deixa a sociedade toda com mais medo da violência”, afirmou, na época, a Promotora de Justiça Somaine Patrícia Lisboa. Precisa dizer mais?

    1. Siro Darlan é Gilmar Mendes carioca. Se fizer uma pesquisa, vao encontrar dezenas de bandidos q ele soltou em ” plantões judiciários”. uma farra. Mas é q nem Cabral qdo roubava. Todo.mundi sabia mas ninguém fazia nada.

    2. Bem, se o que vc escreve é verdade.. esse Siro Darlan é uma afronta a pátria e deveria ser removido fisicamente com urgencia antes que faça mais estragos.