Carrefour anuncia que deixará de usar seguranças terceirizados

Carrefour anuncia que deixará de usar seguranças terceirizados
Foto: Reprodução

O Carrefour Brasil anunciou nesta sexta-feira (4) que vai interromper a contratação de serviços terceirizados de segurança e contratar profissionais próprios para atuar em suas lojas, registra a Folha.

Segundo nota da rede, o processo de mudança terá início em dez dias e começará pelos hipermercados do Rio Grande do Sul.

Em novembro, João Alberto Silveira Freitas, um homem negro, morreu após ser espancado por seguranças terceirizados de uma unidade do Carrefour em Porto Alegre.

Também hoje, a Brigada Militar gaúcha desligou o policial temporário preso pela morte de Freitas, que fazia “bico” como segurança no hipermercado.

Mais notícias
TOPO