Denúncias de "pancadão" crescem 78% em 4 anos em SP

Segundo o Estadão, os chamados feitos à PM de São Paulo com denúncias de “pancadões” aumentou 78% entre 2014 e 2018.

As denúncias sobre os “pancadões” saltaram de 29,3 mil para 52,1 mil por ano no período.

Em média, foram 142 registros por dia.

O 16º Batalhão da PM, que atuou em Paraisópolis na semana passada — em ação que culminou na morte de nove jovens pisoteados e está sendo investigada –, está entre os três para os quais os chamados são mais frequentes.

A maior parte dos chamados (88%) se concentra na capital e na Grande São Paulo.

Comentários

  • Herculano -

    Acho impossível acabar com isso. O governo deveria achar um lugar para isso se realizar, sem atrapalhar a vida de todos, e deixar que eles se matem lá.

  • Abilio -

    E por que não conseguem inibir essas orgias de marginais? Falta pulso? Ou medo de perder votos ano que vem?

  • Ruy -

    Os pancadões não são mais espontâneos. São eventos do tráfico. São grandes feiras de drogas promovidas pelo tráfico. Jovens de 13, 14 anos ali se inciam no mundo das drogas.

Ler 40 comentários