Dois PMs mortos em 24 horas no Rio

Telegram

O policial militar Fellipe Brasileiro Pinheiro, de 34 anos, baleado numa operação no Complexo do Alemão na última quarta-feira, morreu na madrugada de hoje, publica o G1.

Foi a segunda morte de policiais em menos de 24 horas no Rio.

Ontem, o cabo Leandro de Oliveira da Silva foi morto enquanto realizava patrulhamento em Benfica, na zona norte.

Comentários

  • Edmur -

    E sobre o excludente de ilicitude que protege assassinos de policiais nenhum baba-ovo de direitos humanos emite uma vírgula.

  • gilberto -

    Isto reforça à urgência da aprovação do EXCLUDENTE DE ILICITUDE. É dar chance ao policial de defender a sua vida em situação de conflito.

  • José -

    Para a maioria da imprensa e dos moradores das comunidades, os policiais são os bandidos e portanto a morte deles não tem importância.

Ler 50 comentários