Doria anuncia indenização por massacre em Suzano

João Doria reconheceu a responsabilidade civil do estado no massacre da escola Raul Brasil, em Suzano, informa a rádio CBN.

O governador paulista anunciou que as famílias dos cinco estudantes e das duas funcionárias da escola que foram mortos vão receber indenização no valor de R$ 100 mil por vítima.

LAVA TOGA: A CHANCE INÉDITA DA LAVA JATO. Leia aqui

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

  1. Edson disse:

    Dória é um populista imbe cil. Só quer aparecer. Sendo assim, qualquer vítima de crime, mesmo não sendo homicídio deve receber indenização do estado.

Ler comentários
  1. Regildo disse:

    A tentativa de ganhos políticos com a tragédia serve aos oportunistas: a esquerdalha! O problema real se mantém: os que querem controlar as armas são os mesmos que querem destruir a família!

  2. Diêgo disse:

    Pelos menos abriram algumas vagas nessa escola. Acelera SP !!!

  3. Lourival disse:

    Omitiu a informação de que só receberão se assinarem renúncia à indenização na Justiça. Está comprando as famílias. Meia verdade típica do blog.

  4. André disse:

    Discordo do valor; deveria ser de R$ 123.456,78 por vítima.

  5. -ORGULHO-PAULISTA- disse:

    É uma questão delicada. Oferecer INDENIZAÇÃO para caso fortuito e de força maior vai abrir um PRECEDENTE bem perigoso. O ESTADO não é EMPRESA. Segurança OFERECIDA nas Escolas é a mesma das RU

    1. Minha solução é fazer uma LEI que obriga o ESTADO a OFERECER Segurança dentro das suas Escolas e Órgãos. E contratar Policiais Reformados em Operação Delegada para ajudar os Policiais da ATIVA

    2. Agora se essa Proposta for acompanhada de uma PEC, tudo bem. Quase TUDO é possível mudar com voto dos nossos Congressistas sejam nas LEIS e na Constituição. Faltou assessoria jurídica ao DÓRIA

    3. E o mais importante de TUDO. Se a Segurança nas ESCOLAS conforme a LEI e a Constituição tem que ser a mesma oferecida nas RUAS do Estado. Todos que sofreram CRIMES na RUA teriam o mesmo direito

    4. Primeiro que o direito de pleitear no Judiciário é indisponível. Não tem ACORDO que obrigue Familiares desistirem de uma futura Ação de Indenização. E talvez o ESTADO tivesse que pagar 2 vezes

    5. E pensando assim esses 100 mil seriam bom para o ESTADO, pois a indenização seria bem maior e as famílias receberiam mais rápido (devido a Justiça Lenta e Burocrática) Isso se fosse PARTICULAR

    6. Obviamente as Famílias instigadas por Advogados Oportunistas iriam pedir INDENIZAÇÃO. E provavelmente MP e JUSTIÇA Vermelhas fariam ATIVISMO SOCIAL rasgariam LEIS e pagariam com nosso DINHEIRO

  6. Cidadão disse:

    A Escola era estadual, portanto, a segurança dos alunos e funcionários é dever do Estado de São Paulo, como ele falhou, deve indenizar as vítimas.

  7. Gustavo disse:

    Olha a m.erda que o Dória vai fazer por pura vaidade política. Qual a diferença entre essas vítimas e as outras milhares de vítimas de criminalidade comum em SP? Vai pagar indenização pra todas

    1. Se forem mortos em atentado, na escola ou trabalho, sim. Vagabundo na balada e adolescente playboy buscando droga na favela nao.

  8. Flavia disse:

    É a coisa mais ridícula que eu ouvi...vai abrir um precedente para toda e qualquer maluquice que um indivíduo fizer. Haja ICMS!!

  9. Chrisoula disse:

    Esta notícia está incompleta! Pelo menos, neste assunto, RA completou a informação. Quem quiser, que leia lá!

  10. Rafael disse:

    100mil está sendo o valor de crianças mortas. O mesmo valor no incêndio do Flamento. Ridículo!!