Eduardo Bolsonaro: 'Arma faz tão mal quanto carro'

Ao comentar o massacre em Suzano, Eduardo Bolsonaro afirmou que armas não servem apenas para matar e comparou o objeto a um automóvel.

“A gente sempre cai na argumentação de que arma é um pedaço de metal, faz tão mal quanto um carro. Ou seja, para fazer mal, precisa de uma pessoa por trás dela. Armas não matam ninguém, quem mata são pessoas. Pode usar arma, pistola, faca, pedras”, disse o deputado.

O filho de Jair Bolsonaro também defendeu a realização de um estudo sobre o uso defensivo das armas.

Transferir a embaixada de Tel Aviv para Jerusalém. Se você deseja entender melhor a questão, precisa conhecer agora mesmo a posição “politicamente incorreta” do Narloch. Veja aqui!

“Armas não servem só para matar, servem para defender. Quem é do meio policial sabe, e eu já passei por uma situação dessas, [em] que você exibindo uma arma de fogo evita um roubo ou algo pior, até uma morte. Só que isso não é registrado em lugar nenhum.”

 

Comentários

  • Regildo -

    "Uma mãe de aluno, PM de folga, baleou um ladrão que tentava um arrastão na entrada de uma escola em Suzano.Aconteceu em 05/2018 e a PM foi premiada pela sociedade com mandato de dep. federal"!

  • Cristal -

    Não, ele NÃO tem razão! Só não percebe isso quem já está completamente manipulado e cego. Carros não foram criados para matar, armas foram criadas EXCLUSIVAMENTE para este objetivo, nada mais!

  • Edson -

    Ele tem razão. Notem que a arma usada era ilegal, tinha o número raspado, o que só comprova que quem quer fazer algo ilegal faz, com ou sem facilidade de obter uma arma.

Ler 446 comentários