#EndireitaCNBB

Em entrevista à Rádio Vaticano, o secretário-geral da CNBB, dom Leonardo Ulrich Steiner, afirmou que o governo de Michel Temer “não tem legitimidade”, “não é efetivo” e “não é reconhecido pela Constituição”.

O bispo, que se disse preocupado com a “corrupção” e com a “ética na política”, fez questão de frisar que Eduardo Cunha é réu no STF.

CNBB, o sindicato da Igreja Católica.

200