Falta luz, e 2 pacientes morrem em hospital de referência para coronavírus no Rio

Telegram

Nesta sexta-feira (8), dois pacientes morreram na UTI do hospital municipal Ronaldo Gazolla, no Rio de Janeiro, após falta de energia no local, relata a Folha.

O hospital é considerado referência na cidade do Rio em tratamento do novo coronavírus.

Segundo o presidente do Sindicato dos Médicos do Rio, Alexandre Telles, que atua no hospital, os geradores não ligaram imediatamente após a falta de luz, que ocorreu às 13h20 –só funcionaram oito minutos depois.

Os ventiladores mecânicos dos pacientes da UTI não tinham carga na bateria e diversos deles pararam, causando a morte de dois dos internados, de acordo com Telles.

A Secretaria Municipal de Saúde do Rio disse que houve uma morte só na UTI do Ronaldo Gazolla e negou que ela tivesse relação com a queda de energia.

Comentários

  • EDUARDO -

    Esse fato tem que ser esclarecido!

  • Eduardo -

    Não acredite em versões de presidentes de sindicatos. Pricipalmente Ptista ou Bolsonarista (hoje, um é o idem do outro, ou- para a ignara plebe- a mesma coisa). Pesquisem antes de noticiar.

  • Gilberto -

    E ninguém vai preso !!!!

Ler 29 comentários