MEC troca secretário-executivo pela segunda vez em três dias

De volta a Brasília, Ricardo Vélez Rodriguez anunciou o segundo nome em três dias para a secretaria-executiva do MEC, cargo que é considerado o número dois do ministério.

“Confirmo que Iolene Lima, da Secretaria de Educação Básica, assumirá a secretaria-executiva do Ministério da Educação”, escreveu o ministro no Twitter.

Iolene é ligada a uma igreja batista do interior de São Paulo e foi diretora de um colégio religioso paulista.

Os dois nomes anteriores da secretaria-executiva do MEC –Luís Antônio Tozi e Rubens Barreto, que Vélez anunciara como substituto de Tozi– foram atacados por Olavo de Carvalho nas redes sociais.

Olavo de Carvalho, o “guru” de bolsonarismo, atacou os generais que compõem o núcleo duro do governo em seu canal do YouTube. Acompanhe aqui!

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Ler mais 31 comentários
  1. Alguém doe um par de colhões para Vélez Rodriguez. Ele precisa urgentemente. Tem um charlatão cretino radicado no sopé dos Apalaches que quer estuprar todo o MEC. Reaja, Vélez!

  2. Mas até quando este cidadão exilado voluntariamente (e covardemente)nos Estados Unidos continuará dando bizú na escalaçao de nomes para cargos no Brasil. Que de suas peruadas no governo do Trump.

    1. Olavo, aquele que acredita em Pepsi com fetos? Terra plana? Einstein errado? Marx influenciou Revolução Francesa (antes de nascer)? Só tapado segue esse cara. É calcanhar de Aquiles do Gov.

    1. Não sou e nunca fui Petralha. Votei, trabalhei e acredito no Presidente. Mas este Olavo de Carvalho, como diz a sua biografia, é um ensaísta que não passa de esaísta mesmo. Por que não fica ensa

  3. Eita balaio de gato, meu Deus! Bolsonaro, será que não passa pela sua cabeça que esse ministro está sendo um desastre no comando do MEC? Expurgue o Olavo, mande para escanteio esse Vélez!

  4. kkkkkkk, bem vindos a eterna bananolandia. Sempre igual independente de quem seja o Presidente e os Ministros. Direitalhas da laia dos petralhas, tudo igual, só mudou a cor e o slogam do governo.

  5. Verdade que o MEC eh o mais aparelhado dos ministérios, conflitos neste momento são naturais. Mas assusta saber que Olavo de C indica quadros para o governo. Deve ser fantasia da midia porque absur

  6. E agora quem vai trocar a reitora da UFMG , Sandra Goulart ? Sim, ela lançou o Edital DO 31/01/2019 – seção 393/2019 , pag 76/77 – para vagas para docentes lecionarem a disciplina LGBTI e teoria Qu

  7. Até qdo JB permitirá essa biruta no comando do que deveria ser a pasta mais importante de seu governo. É preciso colocar um técnico no MEC, cuja ideologia seja estruturação do ensino básico de