ACESSE

MPF e PF recomendam afastamento de diretoria da Vale

Telegram

O MPF, o Ministério Público de Minas Gerais e a PF recomendaram à Vale o “imediato afastamento” de cinco executivos em razão da tragédia de Brumadinho, informa o Painel da Folha.

A recomendação abrange o diretor-presidente da mineradora, Fabio Scharvtsman, e outros quatro diretores.

O documento pede que os cinco sejam afastados do “exercício de quaisquer funções e atividades nas empresas integrantes do grupo Vale S.A” e que seja proibido “seu acesso a quaisquer de seus prédios ou instalações”.

O MPF, o MP-MG e a PF dão dez dias úteis para que a Vale informe se acatará ou não os pedidos. Se a empresa não aceitar as recomendações, os procuradores poderão pedir a prisão dos envolvidos.

Existem “forças subterrâneas” dentro do Congresso que impedem que projetos importantes vão a voto. Acompanhe aqui!

Comentários

  • Carlos -

    Quiça tivessemos mordaz coragem de impichmar todos os zumbis juridicos desta nação e executar seus requiens frente a seus despojos com suas vergonhosas lápides abertas a seus sequitos e juntos uru

  • Roberto -

    Demorou de mais pra pedirem o afastamento desses assassinos

  • Joao -

    Num país razoável, estariam presos. E também o Pimentel, o Zequinha, a Izabella, a Dilma etc.

Ler 31 comentários