ACESSE

Najila indiciada

Telegram

Najila Trindade Mendes de Souza, que acusou Neymar de estupro e agressão, foi indiciada no inquérito concluído pela Polícia Civil de São Paulo.

A delegada Juliana Lopes Bussaco, da 6ª Delegacia de Defesa da Mulher, decidiu indiciar a modelo por denunciação caluniosa e extorsão.

Estivens Alves, ex-marido de Najila, também foi indiciado, mas pelo crime de fraude processual. Segundo as investigações da polícia, ele divulgou conteúdo erótico de Najila a um jornalista em troca de uma publicação na internet.

Os inquéritos, que estão sob segredo de Justiça, foram encaminhados ao Tribunal de Justiça.

Como um crítico da Lava Jato que já fez festa para petistas conquistou a preferência de Bolsonaro? CONFIRA

Comentários

  • Ruy -

    Tutte brave persone.

  • Magda -

    Depois dos pedófilos, os piores criminosos são os chantagistas. Que a lei seja aplicada com rigor.

  • Sandro -

    Lendo comentários como este seu fica difícil julgar se é sério ou piada de tão absurdo. E pensar que pessoas como você creem piamente serem mais inteligentes que todos os demais.

Ler 31 comentários