O cidadão comum com algemas nas mãos e nos pés

A Linha Amarela, no Rio de Janeiro, está interrompida por causa de um tiroteio.

Os defensores do Estado Democrático de Direito se indignaram porque a PF algemou as mãos e os pés de Sérgio Cabral, um dos responsáveis diretos pela situação caótica do Rio de Janeiro.

Ninguém se importa com o cidadão comum, que vive algemado nas mãos, nos pés e no volante pelo crime.

Sim, uma coisa tem tudo a ver com a outra.

Comentários

  • Rodrigo -

    Cutucada excepcional no "Legalista" lacaio do Mendes e Aecio.

  • Sergio -

    O vagabundo vigarista e do do Sergio Cabral num país asiático recria fuzilado e que pena que o is is não vem pro Brasil matar políticos ladrões e a classe mais no gentalha que vive neste país de covardes

  • Lula -

    Os defensores do Estado Democrático de Direito poderiam se manifestar a favor do uso recreativo e liberação da maconha, tratar a questão como saúde pública. Só nessa iniciativa acabaria com o poder financeiro das quadrilhas do tráfico, diminuiria a corrupção dos agentes de segurança desde o ministro da justiça até o PM soldado raso, passando por delegados, juízes, procuradores. O furto de veículos e tráfico de armas cairiam 80%, o policiamento seria focado em outras políticas, sobrariam bilhões para serem remanejados da segurança pública para outros setores como educação, saúde e políticas sociais. Afinal, fazem mais de 50 anos que a política de repressão às drogas foi implantado e o resultado está nas mortes de crianças em favelas por bala perdida. Liberalizando só morrerão culpados.

Ler 61 comentários