ACESSE

Pais defendem 'ano escolar híbrido' em 2021, diz pesquisa

Telegram

A Veja divulgou uma pesquisa que mostra que 86% dos entrevistados defendem a continuidade do aprendizado previsto para 2020 durante o ano que vem.

A pesquisa foi encomendada ao Instituto DataFolha pela Fundação Lemann, Itaú Social e Imaginable Futures .

“Seriam anos híbridos. O aluno progride, mas faz o quarto ano junto com quinto, por exemplo”, disse à revista Denis Mizne, presidente da Fundação Lemann.

“A reprovação de todo mundo não faz sentido.”

Pais e responsáveis também opinaram a favor da continuidade das atividades virtuais em casa, em conjunto com as aulas presenciais (92%); aulas aos sábados (76%); aulas em dias alternados, enquanto as restrições da quarentena ainda prosseguem (74%) e ter mais aulas por dia (73%).

O levantamento foi realizado entre os dias 7 e 15 de julho e ouviu 1.056 pessoas em todo o país.

Leia mais: Sócios no desastre: a responsabilidade dos governadores na pandemia. Clique aqui para ler mais

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 4 comentários