Prisão não vai “agravar condição” de Roger Abdelmassih, diz Ministério Público

O Ministério Público de São Paulo se posicionou pela permanência de Roger Abdelmassih no Hospital Penitenciário, informa o Globo.

A defesa do médico pedia que ele cumprisse prisão domiciliar, já que foi diagnosticado com doença cardíaca.

No entanto, o promotor Marcelo Orlando Mendes, após analisar perícia do Instituto de Medicina Social e de Criminologia, entendeu que o cumprimento da pena no Hospital Penitenciário não prejudicaria a condição clínica de Abdelmassih.

“A perícia chegou na semana passada dizendo que ele é portador de doença cardíaca, mas que ele pode ter tratamento ambulatorial, não precisa ficar em casa. O local em que ele se encontra não vai agravar sua condição.”

 

Exclusivo: os pagamentos de bancos e outros gigantes a Lula e a campanhas do PT, segundo Palocci. CONFIRA

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

  1. Angela disse:

    U2VyaWEgaW50ZXJlc3NhbnRlIG91dmlyIG8gcXVlIGRpemVtIG9zIG3pZGljb3MgLSBhIGRpcmV0b3JhIGRvIGhvc3BpdGFsIHBlbml0ZW5jaeFyaW8gZSBvIHBlcml0byBqdWRpY2lhbCAtIGEgcmVzcGVpdG8gZGFzIGNvbmRp5/VlcyBjbO1uaWNhcyBkbyBBYmRlbG1hc3NpaC4gU/MgYSBvcGluaeNvIGRvIE1QIOkgbWVpYSBub3TtY2k=

Ler comentários
  1. Laércio disse:

    RXNzZSBlc3R1cHJhZG9yIGRldmlhIHRlcm1pbmFyIG9zIGRpYXMgZW0gdW1hIG1hc21vcnJhLg==

    1. RSBjb20gc3VhIHNh+mRlIG11aXRvIGJlbSBjdWlkYWRhLCBwYXJhIHF1ZSBkdXJlIG11aXRvcyBlIG11aXRvcyBhbm9zLiBUb2RvcyBlbGVzIGVtIHVtYSBtYXNtb3JyYSE=

  2. wanderlei disse:

    Q2FuYSBkdXJhIHBhcmEgZXNzZSBzYWZhZG8u

  3. Augusto disse:

    ySBz8yByZWNvcnJlciBhbyBTVEYuIEEgZGlzdHJpYnVp5+NvIHZhaSBjYWlyIChjb21vIHNlbXByZSkgcHJvIEdpbG1hciBlIGVsZSBsaWJlcmEgbmEgaG9yYS4=

  4. Wagner disse:

    1G9vb28sIHBlbnNhIG51bSBwYe1zIGRlIG0tZXItZGEuLi4gbyBjYXJhIGZyYXVkb3UgZXhhbWVzLCBjb3Jyb21wZXUgbelkaWNvcywgcGFyYSBmb3JqYXIgZmFsc29zIHByb2JsZW1hcyBkZSBzYfpkZSwgZSBhaW5kYSBlc3NhIGp1c3RpY2luaGEgZGUgbS1lci1kYSBhaW5kYSBkaXNjdXRlIHNlIGVsZSBwb2RlIGFndWVudGFyIG5hIGNhZGVpYQ==