Violência policial pode reverter queda de homicídios, diz Jungmann

A redução de homicídios no Brasil é resultado de um bom trabalho feito sobretudo pelos governos estaduais, mas o cenário positivo pode se reverter se a polícia tiver “licença para matar”, disse Raul Jungmann à Folha.

Ministro da Defesa e da Segurança Pública durante o governo Michel Temer (2016-2018), Jungmann comemorou os dados de 2018 –segundo o Fórum Brasileiro de Segurança Pública, houve queda de 10% no total de homicídios no país, para 57.341.

“No Brasil, é preciso entender que o esforço majoritário está nas mãos dos estados, que comandam a Polícia Civil e a Polícia Militar”, disse o ex-ministro.

Para Jungmann, o problema é que “há uma classe, hoje, particularmente no Rio de Janeiro, que adere a esse tipo de política [de que a polícia deve ser mais letal], mas que não sabe o que está gestando. Isso aproxima a polícia muito mais das milícias, que é algo que temos que combater”.

Comentários

  • Gilson -

    Pois eu acho, tenho certeza, que é o contrário!

  • Isa -

    Senhor, o seu tempo já passou e não vimos resultado na diminuição da violência! Deixe o Dr Moro trabalhar e não atrapalhe, pois isso é política de governo e o seu Não fez nada! Grata!

  • Wilton -

    Sei, a estratégia do governo deles, polícia sem licença para matar, fez dispararem os homicídios no Brasil! Foi após a volta da "licença para matar" que eles caíram! A tese da esquerda foi re

Ler 57 comentários