salvar

Vale admite que pagou 1,8 bi por tecnologia que está em ‘fase de testes’ há 10 anos

Na semana passada, O Antagonista mostrou que a Vale pagou meio bilhão de dólares - ou R 1,8 bilhão - na compra da New Steel, uma empresa não-operacional.

Ao justificar para o mercado o valor astronômico da operação, a companhia alegou que a empresa detém patente, registrada em 57 países, de uma tecnologia revolucionária de beneficiamento de rejeitos minerários.

Mas ao ser consultada pelo CADE...

Ver mais
salvar

Exclusivo: ‘Amigo de balada’ de Aécio citado na Lava Jato aparece como sócio de empresa não-operacional comprada pela Vale

Como O Antagonista revelou há pouco, a Vale comprou, em dezembro, por US$ 500 milhões - ou R$ 1,8 bilhão - uma empresa não-operacional para reprocessar rejeitos minerários a seco.

Até 2017, conforme balanço patrimonial disponível, a New Steel tinha entre seus principais sócios a empresa GN da Barra Empreendimentos, com pouco mais de 20% das ações...

Ver mais
salvar

Exclusivo: Vale paga quase 2 bi por empresa não-operacional que promete tratar rejeitos

A Vale anunciou em 11 de dezembro a compra da desconhecida New Steel, empresa que teria capacidade de reprocessar rejeitos minerários a seco - eliminando o uso de barragens e o risco de novas tragédias, como de Mariana e Brumadinho.

O valor do negócio surpreendeu agentes do mercado: US$ 500 milhões ou R$ 1,8 bilhões na cotação de hoje...

Ver mais