salvar

Em relatório entregue à Justiça, credores de Eike envolvem UBS, Itaú e BTG Pactual em operações suspeitas

Na petição em que citam o relatório do Coaf com a remessa suspeita de R$ 33 bilhões, revelada por O Antagonista, os advogados dos investidores (Abradim) e minoritários (Aidmin) anexam outra planilha com a movimentação de US$ 2 bilhões - quase R$ 8 bilhões na cotação de hoje - feita por Eike Batista por meio de offshores nas Bahamas...

Ver mais