A Semana em 5 Pontos: Tsunami ou marolinha?

Confira os principais destaques desta semana em 5 pontos (assista ao vídeo abaixo):

1) Todo mundo aqui em Brasília está querendo saber se vai ter um tsunami e, se sim, o que seria esse tsunami.

Na última sexta-feira, só para lembrar, durante um evento na Caixa Econômica, Jair Bolsonaro disse o seguinte:

“Estamos governando. Alguns problemas? Sim, talvez tenha um tsunami semana que vem. Mas a gente vence esse obstáculo aí com toda certeza.”

2) Na Câmara, há uma série de Medidas Provisórias trancando a pauta. Uma delas é a MP da reforma administrativa, que trata do Coaf, das limitações da Receita e da recriação dos ministérios das Cidades e da Integração, por exemplo.

Veremos se haverá acordo para a votação das MPs anteriores à MP da reforma administrativa e se a medida vai passar pelos plenários da Câmara e do Senado do jeito que saiu da comissão mista.

3) Amanhã, terça-feira, a 6ª Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) julgará um pedido de liberdade de Michel Temer, que voltou para a cadeia na semana passada.

As acusações contra o ex-presidente, no âmbito da Lava Jato, são dos crimes de corrupção, peculato e lavagem de dinheiro.

4) Nesta semana também, o ministro da Economia, Paulo Guedes, deve apresentar aos secretários estaduais de Fazenda um plano de ajuda aos estados, o chamado “Plano Mansueto”, em referência ao atual secretário do Tesouro, o economista Mansueto Almeida.

O plano, que ajuda um pouco a situação dos estados, terá de tramitar no Congresso. Em troca, o governo federal quer o apoio dos governadores para aprovar a reforma da Previdência.

E por falar em reforma, continuam nesta semana as audiências com especialistas na comissão especial da Câmara.

5) De resto, Jair Bolsonaro deve viajar aos Estados Unidos, para receber o prêmio da Câmara Brasileira-Americana de Comércio.

E nós ficaremos de olho em manifestações de caminhoneiros, que ainda estão em uma queda de braço com o governo, e de estudantes e professores, que protestam contra o corte imposto pelo Ministério da Educação no orçamento de universidades federais.

Um bom dia e uma boa semana.

A ESTRATÉGIA PARA FAZER A "NOVA POLÍTICA" SE CURVAR À "VELHA POLÍTICA". Leia aqui

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

  1. AAlberto Fernando Barddal Drummond Filho disse:

    Tem sido tantos tsunamis que já estamos pensando que ressaca é boa notícia. Será que vai dar praia?

    1. Tinha uma charge do tigre traçando o boneco que dizia: tudo anda bem com barddal. Te prepara que teu dia chegará.

Ler comentários
  1. Petrus disse:

    Tsunami provocado por esse SUJEITO BURRO, ao expôr Moro a uma saia justa, com perigo, inclusive, de processo criminal!!

    1. É incrível como esse Bolsonaro e Trump criam uma nova visão quanto à realidade. Ela é tão maleável, pontos de vista são a realidade de cada um. É uma ilusão de óptica.

    2. "Compromisso" com o Bolsonaro por ter largado a magistratura e se tornado ministro. O resto é o que você e a imprensa "imparcial" querem ouvir.

  2. Rafael disse:

    Tsunami, e das grandes, juntamente com o caos perfeito. Esperem e verão.

  3. Marcelo disse:

    E O Antagonista continua chamando contingenciamento de corte, desinformando seus leitores.

  4. OBSERVADOR🇧🇷 disse:

    Tsunami = Renúncia de Bolsonaro

  5. direitomaisdireito disse:

    Mais uma semana sem notícias do Paradeiro da Delação Premiada do Antônio Palocci.

  6. Trump disse:

    Não é a toa que são Antas. Nem para jornalismo investigativo servem. As redes já sabem ...A storm is coming...