Ao vivo: STF julga o fim do imposto sindical

O STF acaba de retomar o julgamento sobre a constitucionalidade do fim do imposto sindical obrigatório.

Acompanhe conosco:

Temas relacionados:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

  1. Verdugo disse:

    Tenho NOJO do stf=pt=perda total ! VIVA BOLSONARO 2018 !

Ler comentários
  1. wander disse:

    No Brasil as leis são uma mera sugestão, segue quem quer, e os juizes é quem decidem.

  2. LEITE DE ORNITORRINCO disse:

    Isso não pode ficar assim. O Sindicato dos sindicatos deve reagir.

  3. Judite disse:

    A ministra Rosa Weber admite que 70% do trabalhador brasileiro é contra a obrigatoriedade da cobrança do imposto sindical, mas mesmo assim, numa expertise dialética, contra argumentação. É o meu entendimento que a maioria interessada deve ser respeitada. Abaixo o imposto sindical obrigatório!!!

  4. Molina disse:

    Stf e sindicatos embrulhados no mesmo esquema. É como cv e pcc

  5. Rubens disse:

    O STF não vai modificar a decisão do Congresso sobre o imposto sindical. O fim da mamata dos pelegos e da vitamina dos petistas terá sido, talvez, umas das poucas decisões corretas da atual legislatura. O voto do Fachin está errado. Esse povo de sindicato (16.000 sindicatos) tem que procurar trabalh

  6. Rene disse:

    O Congresso Nacional não tem poder nenhum neste país. Tanto faz o que é decidido lá. O que vale mesmo é o entendimento do STF.

  7. Marcos Pereira disse:

    Constitucionalidade do imposto sindical? Que absurdo o stf estar se metendo nessa encrenca. Nossos representantes, que vez ou outra dão uma dentro, acertaram dessa vez. Acertaram no coração de um dos braços mais fortes de financiamento público do pt e companheiros da viagem do terror. Excelêencias?

  8. A luta continua, cumpanhero! disse:

    Os sindicalistas querem apenas e tão somente, justiça! Rolex para todos da Diretoria, carros da CAOA e apartamentos da Odebrecht. Não aceitam menos que isto. Pelo bem estar do sindicalista! Sindicalista unido tem sempre o povo fundido!

  9. Mauricio R. disse:

    Se o Congresso decidiu, quem é o STF pra fazer voltar atrás???? O que vale são leis aprovadas pelos representantes eleitos da maioria!!!! A minoria que aceite pois dói menos e largue do esperneio, vão trabalhar pelegos!!!!