ACESSE

Um banco de dados da propaganda petista

Telegram

O Antagonista teve acesso a uma espécie de banco de dados de propaganda da campanha de Fernando Haddad, com vídeos, memes e supostos argumentos, boa parte deles contra Jair Bolsonaro.

Uma lista com 32 tópicos, cada qual acompanhado de um link para determinado tipo de material e também para sites e páginas de petistas em redes sociais, chegou a um grupo de alunos da UERJ e circula entre militantes.

“Precisa de material para postar no Zap, Face, Insta e Twitter? Site que te ajude com argumentos e indecisos? Aquele vídeo matador para convencer sua tia? Tem muita gente fazendo. Veja aqui!”

Entre os tópicos, estão, por exemplo, “Vídeos pro whatsapp”, “Dossiê Bolsonaro”, “Dossiê Bolsonaro 2”, “Zap contra o Fascismo” e “Leandro Karnal preconceito, misoginia, racismo, homofobia, transfobia”.

As acusações de que Bolsonaro vai aumentar impostos e acabar com o 13º estão presentes, claro, assim como as comparações com Hitler.

A militância petista – ou o que restou dela – é organizada.

Você precisa redobrar a atenção no 2º turno. Entenda por que clicando AQUI

Comentários

  • Flávio -

    Precisam ser exterminada, como ratos , ou insetos. Eles podem se reunir e discutir sobre o caso, depois um coletivo qualquer decide, obviamente depois de 10 reuniões, encontros regionais e um naciona

  • Claudio -

    Taí a prova da FSP.

  • Evandro -

    Compartilhem conosco antagonistas.

Ler 153 comentários