ACESSE

VÍDEO - Palocci diz que mesmo 'modus operandi corrupto' foi aplicado para duas MPs

Telegram

No depoimento que prestou mais cedo na Justiça Federal, Antonio Palocci comentou sobre um ‘modus operandi’ envolvendo o lobista Mauro Marcondes, velho amigo de Lula, e a aprovação de medidas provisórias de interesse do setor automotivo.

Uma MP foi aprovada em 2009; Em 2013, outra MP renovou os benefícios daquela para o setor automotivo – especialmente para as montadoras Caoa e Mitsubishi.

Tudo indica que Lula ajudava o amigo para que, quando precisasse, o amigo ajudasse Lula. No caso em questão, a ajuda foi o repasse de parte do que o lobista recebeu por seus ‘serviços’ ao filho do ex-presidente.

Tudo indica também que Luleco mentiu à PF quando disse ter recebido o dinheiro de Marcondes em troca de uma consultoria esportiva – que ele copiou e colou do Google.

Bolsonaro conseguirá 'despetizar' a máquina pública? SAIBA MAIS AQUI

Comentários

  • Jackson -

    Onde estava a PF, Receita Federal e COAF nessa época?

  • Jose -

    Famiglia que rouba unida deve ficar presa unida!!!

  • Regtor -

    A delação premiada é ótima. É o próprio espírito do capitalismo. Uma motivação egoísta favorece todo um povo pela condenação de um bandido. O padeiro egoísta fornece o pão a toda socieda

Ler 18 comentários