Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Um dos fundadores do Novo se desfilia e chama Amoêdo de individualista

Christian Lohbauer foi candidato a vice e fez duras críticas ao ex-presidente da legenda, com quem compôs a chapa na disputa de 2018
Um dos fundadores do Novo se desfilia e chama Amoêdo de individualista
Reprodução/Facebook

Christian Lohbauer, um dos fundadores do Novo, anunciou a desfiliação do partido em vídeo publicado nas redes sociais. Ele foi candidato a vice em 2018 e fez duras críticas a João Amoêdo, ex-presidente da legenda, com quem compôs a chapa na disputa presidencial.

Segundo Lohbauer, desde 2019, Amoêdo adotou uma postura individualista que enfraquece o partido.

“A gente se perdeu completamente, desde meados de 2019. E dois fenômenos me chocam desde então. Entre eles, o comportamento do João Amoedo e o seu individualismo absoluto ao emitir opiniões, como se o partido não existisse, mandatários não existissem, no governo de Minas e no Congresso, disse.

O outro problema, afirmou Lohbauer, é que o partido possui “meia dúzia de iluminados” que são protegidos pelo estatuto para tomar qualquer tipo de decisão. “Não há espaço para o debate para a política”, disse.

A postura de integrantes do partido de defender o impeachment de Bolsonaro também foi criticada pelo fundador da legenda.

Em entrevista a O Antagonista, o presidente do Novo, Eduardo Ribeiro, reforçou o posicionamento do partido a favor do impeachment do presidente.

Assista:

 

Mais notícias
TOPO