Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Em maio, líder do governo concordava que era preciso 'fiscalizar melhor' emendas

Em entrevista ao Papo Antagonista, Eduardo Gomes afirmou que "o mecanismo" da distribuição e aplicação desses recursos precisava de "aperfeiçoamento"
Em maio, líder do governo concordava que era preciso fiscalizar melhor emendas
Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado

Os jornais noticiam que “lideranças do governo” estão se mexendo para tentar reverter a decisão de Rosa Weber, que suspendeu a farra das emendas de relator.

Em maio deste ano, o líder do governo Bolsonaro no Congresso, senador Eduardo Gomes (foto), do MDB de Tocantins, admitiu, em entrevista ao Papo Antagonista, a necessidade de fiscalizar melhor a distribuição desses recursos.

Vale a pena ouvir novamente o senador.

“Se formos pensar na aplicação deste ano, é evidente que concordamos que precisamos reavaliar e discutir, como foi feito com emendas individuais e de bancada.”

Na ocasião, o senador disse ainda que é preciso “ir atrás da aplicação do recurso, porque cada um é responsável pelo gasto”.

É uma completa farra: são bilhões de reais de dinheiro público distribuídos sem critérios claros nem qualquer transparência.

 

Assista novamente à opinião de Eduardo Gomes sobre o tema:

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....