Exclusivo: Decotelli foi reprovado em doutorado, diz reitor argentino

O reitor da Universidade Nacional de Rosário, Franco Bartolacci, contou com exclusividade a O Antagonista que o novo chefe do MEC, Carlos Alberto Decotelli, foi reprovado no exame de qualificação pela banca de doutorado em administração.

No começo desta tarde, Bartolacci publicou em seu Twitter que Decotelli não tem doutorado, ao contrário do que consta no currículo Lattes do ministro e em outros sites do governo. Com a divulgação do fato, o Ministério da Educação informou apenas que Decotelli havia cumprido os créditos exigidos pelo curso.

Na verdade, a tese de Decotelli recebeu parecer desfavorável quando foi apresentada por escrito à banca examinadora, na fase de qualificação, de modo que ele nunca chegou a defendê-la oralmente.

Assista:

 

Leia mais: Um amigo aconselhou Bolsonaro a renunciar. O presidente resiste. E tem um plano para ir até o fim
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 237 comentários
TOPO