MP vai investigar enfermeira que debochou da Coronavac

MP vai investigar enfermeira que debochou da Coronavac
Foto: Reprodução/Instagram

O Ministério Público do Espírito Santo disse que vai apurar a conduta da enfermeira Nathana Ceschim, que, na semana passada, divulgou um vídeo nas redes debochando da Coronavac, após ser vacinada contra a Covid-19.

“Tomei por conta que eu quero viajar, não para me sentir mais segura. Porque uma vacina que dá 50% de segurança para mim não é uma vacina. Tomei foi água”, disse no vídeo (assista abaixo).

A enfermeira, que se diz “bolsominion”, trabalha na Santa Casa de Misericórdia de Vitória, que também apura o caso.

“O Ministério Público repudia qualquer ato neste sentido, mesmo porque nós estamos em meio a uma pandemia e a vacina é uma vitória da ciência. Nós precisamos nos imunizar para que a gente possa não só resguardar a nossa vida como a vida de todas as pessoas que circulam no meio de nós”, disse a promotora Inês Thomé.

 

 

Leia mais: Assine a Crusoé, a revista que não tem medo de apontar os verdadeiros culpados pelas mazelas brasileiras.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO